Avaliação

9

Qualidades

  • Revelador
  • Exemplos Práticos
  • Cativante

Recomendação

Não há duas pessoas que enxerguem o mundo da mesma maneira. Nossos preconceitos dão cor à forma como interpretamos nossas vidas e as histórias que contamos a nós mesmos. Em uma apresentação envolvente, a psicoterapeuta e colunista Lori Gottlieb explica como as pessoas podem deixar de viver limitando seu diálogo interno e levar suas vidas na direção que desejam. Qualquer pessoa que já se sentiu presa na vida – e quem nunca? – deve seguir as dicas de Gottlieb com determinação.

Resumo

As pessoas utilizam histórias para dar sentido às suas vidas.

Ao escrever sua coluna semanal de conselhos, a psicoterapeuta Lori Gottlieb tem lido milhares de cartas de pessoas descrevendo o que ela chamou de “os problemas da vida”. Uma lição importante da sua experiência como terapeuta é que sempre há dois lados em toda história. As pessoas contam histórias na sua própria perspectiva. Sem querer, omitem detalhes importantes ou colocam muita importância nos demais. Elas permitem que suas experiências passadas definam a forma como descrevem seus problemas atuais.

A maneira como as pessoas contam suas histórias tem um impacto decisivo em como elas continuam a levar suas vidas. As pessoas podem ficar presas em suas próprias...

Sobre o Palestrante

Lori Gottlieb é psicoterapeuta, escritora e autora da coluna semanal Dear Therapist, na revista The Atlantic.


Mais deste tópico

Os clientes que leem esse resumo também leem

Esther Perel na SXSW 2019: Competências de Relacionamento e Dinâmica do Local de Trabalho
9
Como Interromper Maus Hábitos de Gestão Antes que Alcancem a Próxima Geração de Líderes
7
Aula Magna da Chanceler Alemã Angela Merkel em Harvard
8
Três Passos para Transformar Encontros do Dia a Dia em Reuniões Transformadoras
7
Por Que Você Deveria Receber pelos Seus Dados
8
O Que a Possibilidade da Morte Me Ensinou Sobre a Vida
8

Canais Relacionados

Comente sobre este resumo