Resumo de A Decadência da Verdade

Procurando pelo relatório?
Nós temos o resumo! Obtenha os insights principais em apenas 10 minutos.

A Decadência da Verdade resumo
Comece hoje:
ou conheça os nossos planos

Avaliação

8

Qualidades

  • Inovativo

Recomendação

A confiança dos americanos nas instituições e fatos objetivos está diminuindo, afirmam Jennifer Kavanagh e Michael D. Rich da Rand Corp. Muitos têm discutido o crescente partidarismo da política dos EUA, mas este trabalho se distingue, concentrando-se na “decadência da verdade” que tanto alimenta como resulta desta divisão. Kavanagh e Rich se aprofundam nas estatísticas que descrevem a crescente desconfiança dos norte-americanos em relação à grande mídia e a propensão de se votar em linhas partidárias rígidas. Embora as democracias, pelo menos em teoria, prosperem com o livre fluxo de informações, os autores propõem um argumento convincente mas controverso de que a crescente disponibilidade das notícias e comentários online e na televisão alimenta a decadência da verdade. Segundo eles, o volume de conteúdos e notícias falsas acaba abafando os fatos legítimos – e poucos eleitores americanos estão preparados para lidar com esse ataque violento. O estudo é escrupulosamente apartidário; na verdade, os autores por vezes parecem excessivamente apolíticos. Embora publicado no início de 2018, o livro mal menciona o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, a quem os críticos da esquerda e da direita consideram a principal evidência da degradação política. Deixando de lado estas deficiências, a getAbstract acredita que este trabalho dos autores fornece uma nova visão de um clima político cada vez mais distante das antigas normas e oferece soluções para mudar a situação.

Sobre os autores

Jennifer Kavanagh é cientista política e diretora associada do Programa de Estratégia, Doutrina e Recursos da Rand Corp. Michael D. Rich é presidente e diretor executivo da organização sem fins lucrativos Rand Corp.

 

Resumo

Uma ameaça à democracia americana

A “decadência da verdade” tomou conta do discurso político americano. Esta ameaça à democracia é marcada por quatro temas:

  • Uma crescente falta de acordo sobre fatos básicos – A crescente discórdia sobre como analisar e interpretar fatos acompanha esta tendência. Alguns exemplos incluem o crescente ceticismo sobre a segurança de vacinas e alimentos geneticamente modificados e dúvidas sobre a legitimidade da mudança climática.
  • Um muro em ruínas que separa as opiniões dos fatos – Observa-se este fenômeno no conteúdo de um jornal que não indica a linha divisória entre notícias e opiniões, e na programação das TVs a cabo onde fatos e opiniões se misturam livremente.
  • Um volume avassalador de opiniões que ameaça sobrecarregar os fatos – A explosão dos conteúdos das mídias sociais, em sua grande parte pura fantasia disfarçada de fato real, exemplifica essa ideia.
  • A descrença nas instituições – Os americanos já não acreditam nas fontes de informação tradicionalmente respeitadas, uma realidade que se reflete no declínio dos níveis de ...

Mais deste tópico

Os clientes que leem esse resumo também leem

O Fim da Europa
7
Política do Futuro
9
A Potência das Microtendências
8
Cavaleiros do Apocalipse
8
A Estrada para Algum Lugar
7
Implacável Mundo Novo
8

Canais Relacionados

Comente sobre este resumo