Resumo de A Economia dos Pobres

Procurando pelo livro?
Nós temos o resumo! Obtenha os insights principais em apenas 10 minutos.

A Economia dos Pobres resumo de livro
Comece hoje:
ou conheça os nossos planos

Avaliação

9

Qualidades

  • Inovativo
  • Analítico
  • Baseado na Ciência

Recomendação

Depois de décadas de esforço, bilhões de dólares, milhares de trabalhadores humanitários e centenas de programas de combate à pobreza, 865 milhões de pessoas ainda sobrevivem com o equivalente a menos de um dólar por dia. Mas isso pode mudar, com uma pequena clínica, um incentivo e uma sala de aula de cada vez, de acordo com este trabalho surpreendente, considerado o melhor livro de negócios de 2011 segundo o Financial Times/Goldman Sachs. Os economistas e pesquisadores do MIT Abhijit Banerjee e V. Esther Duflo relatam experiências comprovadas que mostram como é possível tornar a vida dos pobres mundo afora mais confortável e produtiva, principalmente com mudanças relativamente simples, e não com rios de dinheiro. A chave aqui é entender os comportamentos humanos e as motivações que orientam todas as pessoas, sejam ricas ou pobres e aplicá-los para resolver o problema aparentemente insuperável da pobreza global. A getAbstract recomenda este relato científico, porém acessível sobre como melhorar a vida de milhões de pessoas, permitindo que os mais pobres contribuam para o progresso econômico e social do mundo.

Sobre os autores

Abhijit V. Banerjee e Esther Duflo ensinam economia no Massachusetts Institute of Technology e dirigem o Laboratório Abdul Latif Jameel de Ação Contra a Pobreza, o qual se dedica à diminuição da pobreza por meio de esforços com base em pesquisas.

 

Resumo

Menos de 1 Dólar Por Dia

A Armadilha da Pobreza

Fome

Saúde

O problema da pobreza global parece esmagador e um tanto impossível de ser resolvido. Apesar de enormes quantidades de ajuda externa e doméstica, da produção de alimentos suficiente para servir a todos no planeta e dos avanços médicos e técnicos que podem salvar vidas e retirar algumas populações da fome absoluta, cerca de 13% dos habitantes do globo tenta sobreviver com o equivalente a pouco menos de 1dólar por dia. Neste nível de subsistência, as pessoas pobres não conseguem sair do ciclo da pobreza. Elas não têm acesso aos conhecimentos que podem significar a diferença entre a vida e a morte, tais como vacinas e água potável. Os recursos e instituições que os cidadãos das nações ricas consideram garantidos, como bancos e seguradoras, não existem para os 865 milhões mais pobres. As pesquisas sobre a redução da pobreza mundial mostram que, apesar das enormes desvantagens, os pobres são como o resto de nós em quase todos os sentidos. Eles compartilham as mesmas esperanças e fragilidades e são tão sensatos quanto nós. Estudos utilizando “ensaios controlados randomizados” (RCTs), experimentos...


Mais deste tópico

Os clientes que leem esse resumo também leem

O Condutor do Carro Autônomo
9
O Grande Nivelador
8
Irã
7
A Tirania das Métricas
8
Implacável Mundo Novo
8
Nós Fazemos as Coisas de Maneira Diferente
8

Canais Relacionados

Comente sobre este resumo