Acesse a sua conta getAbstract para obter o resumo!

A Terceira Revolução Industrial

Acesse a sua conta getAbstract para obter o resumo!

A Terceira Revolução Industrial

Como o poder lateral está transformando a energia, a economia e o mundo

M. Books do Brasil Editora,

15 min. de leitura
10 Ideias Fundamentais
Texto disponível

Sobre o que é?

O mundo está passando por uma nova revolução industrial. Você está pronto para ela?


Avaliação Editorial

8

Qualidades

  • Revelador
  • Visionário
  • Inspirador

Recomendação

Jeremy Rifkin, economista e conselheiro político, apresenta um texto altamente ambicioso que descreve algumas transformações fundamentais em curso na economia mundial, fornece um roteiro para mudanças futuras e explica por que essas mudanças maciças são necessárias. Muitos dos temas que Rifkin discute devem soar familiares, tais como a ameaça da mudança climática ou o potencial dos novos modelos de negócios colaborativos. A proposta de Rifkin, o que torna o livro emocionante e um pouco assustador, envolve uma narrativa abrangente que posiciona as correntes tecnológicas, sociais e econômicas em contextos históricos e modernos. O resultado é tanto educacional como cativante. A getAbstract acredita que as análises do autor vão intrigar os futuristas de plantão, os interessados na intersecção da tecnologia com a sociedade e a todos que se preocupam com a vida na Terra.

Resumo

O Poder da “Terceira Revolução Industrial”

A confluência do “fornecimento centralizado de energia elétrica, da era do petróleo, do automóvel e da construção em áreas suburbanas” durante o século XX contribuiu para uma “Segunda Revolução Industrial” que gerou níveis sem precedentes de crescimento e riqueza em grande parte do mundo.

Todavia a economia industrial contemporânea enfrenta várias crises: O petróleo está se esgotando, o clima está mudando e a dívida atingiu níveis alarmantes. A Era do Carbono” está chegando ao fim, apontando para futuras convulsões sociais, políticas e financeiras.

Ao longo da história, o progresso econômico tem contado com a “relação orgânica entre tecnologias de comunicação e fontes de energia”. Por exemplo, a tecnologia do motor a vapor otimizou as máquinas de impressão, o que impulsionou a alfabetização e criou uma força de trabalho qualificada para estimular a Primeira Revolução Industrial. Da mesma forma, os combustíveis fósseis viabilizaram os transportes no século XX, ampliando o alcance e a produtividade das pessoas.

Até agora, a “revolução das tecnologias de informação e comunicação” iniciada na década de 1990 não atingiu...

Sobre o autor

Jeremy Rifkin, presidente da Foundation on Economic Trends, é conselheiro da União Europeia e outras entidades governamentais e preside a Third Industrial Revolution Global CEO Business Roundtable. Ele é o autor de vários livros bestsellers, incluindo A Economia do Hidrogênio.


Comente sobre este resumo

Mais deste tópico

Canais Relacionados