Acesse a sua conta getAbstract para obter o resumo!

A Universidade Disney

Acesse a sua conta getAbstract para obter o resumo!

A Universidade Disney

Como a Universidade Disney Desenvolve os Colaboradores Mais Orientados aos Clientes, Engajados e Leais do Mundo

McGraw-Hill,

15 min. de leitura
10 Ideias Fundamentais
Texto disponível

Sobre o que é?

Como a Disney treina o seu pessoal no “Lugar Mais Feliz da Terra”.

Avaliação Editorial

7

Qualidades

  • Aplicável
  • Exemplos Práticos
  • Inspirador

Recomendação

Os visitantes dos parques temáticos da Disney frequentemente notam as atividades bem ensaiadas e a simpatia do pessoal que trabalha na Disney. Embora todo esse encanto pareça fácil, é um enorme trabalho manter a Walt Disney World e outros resorts da Disney ao redor do mundo funcionando a pleno vapor. Ao longo dos anos, a empresa vem aprimorando e revendo os seus sistemas de treinamento, tudo para que os funcionários primem pela simpatia, limpeza e espírito de equipe. O consultor em treinamento e desenvolvimento (T&D) Doug Lipp oferece um curso intensivo e bastante interessante sobre o que acontece nos “bastidores” da gestão organizacional e do treinamento in-house da Disney. O livro é às vezes um tanto repetitivo e os leitores que procuram um olhar mais profundo do relacionamento da Disney com os seus recursos humanos e dos altos e baixos da empresa desde 1955 devem procurar em outro lugar. No entanto, a getAbstract recomenda a abordagem do autor a profissionais de RH e supervisores que buscam novas formas de treinar o pessoal para que este se esmere mais, apresente-se com mais alegria e esteja em sintonia com a cultura corporativa e as necessidades dos clientes.

Resumo

Um Novo Conceito, Uma Nova Abordagem

Com a sua abertura em 1955, a Disneyland da Califórnia se tornou a primeira atração do gênero. Walt Disney não queria criar apenas mais um parque de diversões. Ele projetou o primeiro parque temático: um lugar limpo e seguro que garantisse a diversão de toda a família.

Disney sabia que esse novo empreendimento necessitaria de colaboradores que se dedicassem de corpo e alma para satisfazer o cliente. Para treinar e desenvolver tal força de trabalho, Walt Disney procurou Van France, um ex-militar e executivo de RH com experiência em gestão industrial. A visão de Disney era que o parque se tornasse a grande estrela, onde tudo e todos surgissem como atores coadjuvantes. France desenvolveu um programa de T&D que passou a ser conhecido como a Disney University.

O foco principal do primeiro programa de treinamento era garantir que os funcionários recém-contratados entendessem que estavam trabalhando em um ambiente único. Para sublinhar a ideia de que a Disney busca pessoas interessadas em dar um grande show, a empresa denomina o pessoal de “membros do elenco” e não funcionários. Os novos recrutas aprendem que os parques...

Sobre o autor

Doug Lipp, consultor em T&D e gestão, ajudou a lançar a Disneyland de Tóquio em 1980.


Comente sobre este resumo

  • Avatar
  • Avatar
    C. C. 9 anos atrás
    Ter como referência a história de sucesso de uma mente brilhante, criativa e persistente é sempre um valoroso exemplo.