Resumo de A Verdadeira Coreia do Norte

Procurando pelo livro?
Nós temos o resumo! Obtenha os insights principais em apenas 10 minutos.

A Verdadeira Coreia do Norte resumo de livro
Comece hoje:
ou conheça os nossos planos

Avaliação

9

Qualidades

  • Analítico
  • Revelador
  • Conhecimento de Causa

Recomendação

Não há muitos insights disponíveis sobre o regime da Coreia do Norte, o que torna o trabalho do professor Andrei Lankov em sua importante abordagem sobre a realidade do regime, sociedade e manobras estratégicas norte-coreanos ainda mais significativo. Lankov, um estudioso altamente respeitado sobre a Coreia, baseia-se em décadas de pesquisas, incluindo trocas de informações com diplomatas e refugiados, bem como nas suas experiências como estudante de intercâmbio universitário na Coreia do Norte. Embora alguns críticos acusem Lankov de propor uma análise centrada no modelo soviético – ele nasceu em São Petersburgo e foi educado na antiga União Soviética – a getAbstract recomenda este panorama geral bem-fundamentado e de fácil compreensão da história e sociedade contemporânea norte-coreana, bem como a análise sóbria do seu futuro provável.

Sobre o autor

Andrei Lankov é professor de História da Universidade de Koomkin em Seul, na Coreia do Sul. Nascido em São Petersburgo, estudou na Coreia do Norte através de um programa de intercâmbio. Os seus livros incluem North of the DMZ: Essays on Daily Life in North Korea e From Stalin to Kim Il Sung: The Formation of North Korea, 1945-1960.

 

Resumo

O regime da Coreia do Norte

Uma ditadura “nacional stalinista” tem governado a Coreia do Norte desde o final dos anos 1940. Em 1945, a União Soviética tomou posse da metade norte da Coreia. Moscou escolheu Kim Il-sung, um capitão do Exército soviético, para liderar a nova “República Popular”. O Partido dos Trabalhadores da Coreia (PTC) passou a deter o controle político e por meio de expurgos durante os anos 1950, Kim Il-sung substituiu nomeados do governo soviético por seus próprios homens leais – ex-guerrilheiros, como ele próprio – e familiares. A família Kim tinha a visão de um Estado comunista maoísta, em que a abundância surgiria do trabalho altruísta, patriótico e o Estado iria fornecer todas as necessidades básicas. Kim Il-sung criou um culto à personalidade semelhante aos da China e URSS stalinistas, porém o culto à sua foi muito mais além. Com a morte de Kim Il-sung em 1994, o seu filho Kim Jong-il o sucedeu. E com a morte deste em 2011, o seu neto Kim Jong-un chegou ao poder. A Coreia do Norte é – caso único no mundo – uma “monarquia comunista”. Atualmente, cerca de 10.000 membros do partido formam uma elite e cerca de um e dois milhões de norte-coreanos ...


Mais deste tópico

Os clientes que leem esse resumo também leem

O Fim do Século Asiático
8
Fim de uma Era
8
O Grande Nivelador
8
Relatório Sobre os Riscos Globais de 2018
9
Como a Mudança Populacional Vai Transformar Nosso Mundo
8
Grandes Poderes, Grandes Estratégias
6

Canais Relacionados

Comente sobre este resumo