Resumo de Implacável Mundo Novo

Procurando pelo livro?
Nós temos o resumo! Obtenha os insights principais em apenas 10 minutos.

Implacável Mundo Novo resumo de livro
Comece hoje:
ou conheça os nossos planos

Avaliação

8

Qualidades

  • Panorama Geral
  • Visionário
  • Revelador

Recomendação

Nesta análise geral intrigante, o economista Stephen D. King argumenta que a globalização está em perigo. De Ronald Reagan a George W. Bush, a teoria econômica dominante estipulava que os impostos e regulação eram ruins e que os mercados livres e a regulação branda eram bons. Esta sabedoria convencional parecia incontestável. Então, de repente, a sabedoria convencional não funciona mais. A votação do Brexit e a improvável vitória de Donald Trump provaram que a globalização não é afinal uma solução política milagrosa. Diante das dificuldades que passam os eleitores de classe média, os acordos de livre comércio e as políticas de imigração branda não interessam mais ao eleitorado. King advoga que ao longo da história geopolítica os poderes econômicos experimentam altos e baixos – e que a teoria econômica entra e sai de moda. A getAbstract sugere este panorama geral a investidores, decisores políticos, estudantes, gestores de ONGs e qualquer um que esteja procurando entender melhor as mudanças vertiginosas na política global.

Sobre o autor

Assessor econômico sênior do HSBC, Stephen D. King é o autor de When the Money Runs Out: The End of Western Affluence e Losing Control: The Emerging Threats to Western Prosperity.

 

Resumo

Globalização

A globalização prometia um novo mundo: os cidadãos dos países ricos poderiam manter seu padrão de vida confortável, enquanto cidadãos do mundo em desenvolvimento iriam, de repente, descobrir um caminho para sair da pobreza. A impressão era a de que os economistas e políticos haviam desvendado os mistérios do crescimento inesgotável, inflação moderada e fim da instabilidade. Nos últimos anos, no entanto, as realidades geopolíticas comprometeram esta visão otimista da globalização. Os ricos ficaram mais ricos, enquanto todo o restante tentava manter a cabeça fora da água, na melhor das hipóteses. Muitos perceberam que a globalização beneficiou poucos afortunados sem favorecer à grande maioria. A crise financeira de 2008, apenas ressaltou a percepção de que a globalização não é uma solução milagrosa. Em meio a uma revolta generalizada, políticos populistas e eleitores descontentes têm registado fortes protestos contra uma ordem econômica voltada ao livre comércio e a abertura das fronteiras. A marcha da globalização foi interrompida, levantando a possibilidade de que ela poderia “estar retrocedendo”. O entusiasmo pela globalização esfriou até mesmo na Europa, onde...


Mais deste tópico

Do mesmo autor

Quando o Dinheiro Acaba
8

Os clientes que leem esse resumo também leem

A Estrada para Algum Lugar
7
O Fim da Europa
7
A Decadência da Verdade
8
O Grande Livro do RH
7
O Grande Nivelador
8
Relatório Sobre os Riscos Globais de 2018
9

Canais Relacionados

Comente sobre este resumo