Resumo de O Espírito Animal

Procurando pelo livro?
Nós temos o resumo! Obtenha os insights principais em apenas 10 minutos.

O Espírito Animal resumo de livro
Comece hoje:
ou conheça os nossos planos

Avaliação

8

Qualidades

  • Para Iniciantes

Recomendação

George Akerlof e Robert J. Shiller explicam o papel da psicologia humana nos mercados. Eles afirmam que a teoria econômica convencional atribui demais peso ao papel da razão na tomada de decisões econômicas, deixando de lado o papel dos fatores irracionais, emocionais e psicológicos. Há alguns anos, essa visão teria sido considerada ficção, mas vários outros autores têm batido na mesma tecla, embora poucos com credenciais tão excelentes. Por terem afirmado suas crenças e oferecido evidências sobre o poder das emoções, ou “espíritos animais”, os autores prescrevem políticas curativas, embora nem sempre esclareçam qual o impacto das suas propostas no mundo real. A distinta reputação de Akerlof e Shiller merece atenção e getAbstract confirma que seu livro é uma leitura que vale a pena. No entanto, aqueles que já conhecem a totalidade do trabalho dos autores talvez esperassem maiores insights.

Sobre os autores

George A. Akerlof, vencedor do Prêmio Nobel de Economia em 2001, é professor da Universidade da Califórnia em Berkeley. Robert J.Shiller, autor dos bestsellers Exuberância Irracional e A Solução para o Subprime, leciona Economia na Universidade de Yale.

 

Resumo

A Economia Emocional

O desempenho econômico é em grande parte mental, embora não necessariamente racional. As emoções têm uma forte presença na tomada de decisões econômicas. Os economistas do passado quase ignoram o papel do irracional nas decisões econômicas. Em vez disso, eles explicavam os eventos econômicos como resultado de pessoas que exercem com racionalidade seus próprios interesses. Essa explicação não leva em conta os maciços deslocamentos econômicos. Ela afirma que o desemprego generalizado não deveria existir porque trabalhadores que buscam racionalmente seus próprios interesses deveriam aceitar salários mais baixos de acordo com o valor da produção. Salários e preços se ajustam, o mercado se estabiliza e o desemprego desaparece. No entanto, não é o que acontece.

John Maynard Keynes disse que um cálculo racional não poderia ser responsável por decisões econômicas como a abertura de uma mina, a construção de uma fábrica ou de um prédio de escritórios. Os dados sobre o retorno a longo prazo sobre esses investimentos é insuficiente para sustentar um cálculo verdadeiramente racional. Keynes escreveu que tais decisões “só podem ser tomadas como resultado de...


Mais deste tópico

Dos mesmos autores

Finanças Para Uma Boa Sociedade
7
A Economia da Identidade
8

Os clientes que leem esse resumo também leem

55 Anos, Subempregado e Fingindo Normalidade
9
Implacável Mundo Novo
8
Os Fundamentos da Liberdade
8
O Fim da Europa
7
Inteligência Perceptiva
8
Relatório Sobre os Riscos Globais de 2018
9

Canais Relacionados

Comente sobre este resumo