Resumo de O Magnetismo do Talento

Procurando pelo livro?
Nós temos o resumo! Obtenha os insights principais em apenas 10 minutos.

O Magnetismo do Talento resumo de livro
Comece hoje:
ou conheça os nossos planos

Avaliação

8

Qualidades

  • Aplicável

Recomendação

Cada empresa tem uma marca de empregador – a forma como é vista pelos candidatos a emprego, pelos funcionários atuais e pelos ex-funcionários. Cada vez mais, as empresas precisam cuidar dessa marca ao instaurar uma cultura que atrai o talento de topo. O mercado de trabalho está mudando. Os nascidos no pós-guerra estão se aposentando. Os funcionários atuais – especialmente os da Geração Y – esperam um ambiente de trabalho diferente, com maior autonomia, equilíbrio entre a vida profissional e pessoal e, mais ainda, tarefas gratificantes. Ao mesmo tempo, a recuperação econômica está oferecendo mais escolhas aos candidatos. A consultora de empresas e de liderança Roberta Chinsky Matuson apresenta maneiras práticas para que as empresas criem e explorem uma marca de empregador forte capaz de atrair o talento de topo. A getAbstract recomenda as suas estratégias aos gerentes de RH e executivos que pretendem criar uma vantagem competitiva ao atrair talento em vez de meramente recrutar pessoas.

Sobre a autora

Roberta Chinsky Matuson, presidente da Matuson Consulting e autora de De Repente, no Comando, escreve em blogs para a Fast Company e Forbes.com.

 

Resumo

Não recrute, atraia

E se a sua empresa conseguisse atrair talento de topo consistentemente – profissionais fora de série que querem trabalhar? Nem todas as empresas podem exercer a atração extraordinária da Apple ou Google, mas você pode tornar a sua empresa um imã do talento. O objetivo é construir uma marca de empregador forte que defina como os funcionários atuais e potenciais veem a sua empresa.

Muitas empresas continuam a privilegiar o recrutamento para preencher vagas, em vez de atrair os talentos capazes de desenvolver a empresa. O recrutamento já não é suficiente. À medida que a economia recupera, os candidatos a emprego estão mais inclinados a avaliar outras opções, em vez de aceitar logo a sua oferta, gratos pelo trabalho. Grandes mudanças demográficas estão em curso: os nascidos no pós-guerra estão deixando o mercado de trabalho, quer por aposentadoria, quer por acontecimentos que mudam suas vidas, tais como problemas de saúde ou a necessidade de tratar de familiares. Isto significa que dezenas de milhões de pessoas deixarão o mercado de trabalho entre 2013 e 2020. A força de trabalho emergente – incluindo a Geração Y, os nascidos entre 1982 e 2000 – está...


Mais deste tópico

Os clientes que leem esse resumo também leem

O Grande Livro do RH
7
Esqueça o Currículo, Consiga o Emprego
8
Hackeando a sua Cultura
7
Escalonando Equipes
8
O Líder de Alto Potencial
8
O Ajuste Certo Importa
7

Canais Relacionados

Comente sobre este resumo