Resumo de O Que Sabemos (e o Que Não Sabemos) Sobre o Coronavírus

Procurando pelo vídeo?
Nós temos o resumo! Obtenha os insights principais em apenas 10 minutos.

O Que Sabemos (e o Que Não Sabemos) Sobre o Coronavírus resumo
Comece hoje:
ou conheça os nossos planos

Avaliação

9

Qualidades

  • Baseado na Ciência
  • Panorama Geral
  • Importante

Recomendação

O novo coronavírus está se espalhando rapidamente em muitas áreas do globo. Da mesma forma, a compreensão científica do vírus está evoluindo rapidamente. Descubra o que os pesquisadores sabem até agora, quanto tempo o mundo deve esperar por uma vacina e quais questões epidemiológicas prementes ainda permanecem sem resposta nesta conversa científica, mas acessível, do epidemiologista e especialista em SARS David Heymann.

Sobre o Palestrante

O epidemiologista David Heymann liderou as iniciativas da Organização Mundial da Saúde para combater a SARS em 2003. Ele é professor de epidemiologia na London School of Hygiene, com especialização em doenças infecciosas.

 

Resumo

Para a maioria das pessoas, o novo coronavírus se manifesta de forma leve, semelhante a um resfriado comum, mas os profissionais de saúde, idosos e pessoas com condições crônicas pré-existentes correm riscos maiores.

Em 27 de fevereiro de 2020, um surto do novo coronavírus havia infectado cerca de 82.000 pessoas em todo o mundo [nota do editor: o vírus que causa a doença do coronavírus, COVID-19, e o surto de coronavírus 2019/20 é oficialmente chamado de síndrome respiratória aguda grave – coronavírus 2, ou SARS-CoV-2]. As mortes pelo vírus totalizavam 2810. Na maioria das pessoas, o vírus apresenta sintomas semelhantes a um resfriado comum.

No entanto, para certos grupos, o vírus apresenta riscos mais graves. Por exemplo, a exposição a doses mais altas do vírus e a falta de imunidade colocam os profissionais de saúde em risco de infecções graves. Nos países em desenvolvimento, a assistência médica adequada é escassa para muitos cidadãos, aumentando a ameaça do coronavírus para todos, mas principalmente para os idosos que não têm acesso a tratamento imediato com...


Canais Relacionados

Comente sobre este resumo