Acesse a sua conta getAbstract para obter o resumo!

Aprendendo a Enxergar

Acesse a sua conta getAbstract para obter o resumo!

Aprendendo a Enxergar

Mapeamento do fluxo de valor para agregar valor e eliminar o desperdício

Lean Enterprise Institute,

15 min. de leitura
6 Ideias Fundamentais
Áudio & Texto

Sobre o que é?

Aprenda a enxergar as suas instalações como um gerente de fluxo de valor a enxergaria.


Avaliação Editorial

10

Qualidades

  • Aplicável
  • Bem-Estruturado
  • Para Especialistas

Recomendação

A produção em massa tradicional depende de grandes estoques, utiliza processos “empurrados” e se debate com longos prazos de entrega. A mudança para um sistema que elimine o muda (ou desperdício) causado pela superprodução – embora sendo um empreendimento desafiador – mostra-se crucial para aprimorar a eficiência. Neste guia essencial de Mike Rother e John Shook, você vai acompanhar o mapeamento do fluxo de valor realizado para a Estamparia ABC, do seu estado atual ao futuro. Totalmente ilustrado e bem organizado, Aprendendo a Enxergar é um recurso imperdível para o gerente do fluxo de valor.

Resumo

Um fluxo de valor tem uma perspectiva de “quadro mais amplo” e aborda o todo, não apenas as partes.

Para integrar o Lean em seus processos, obtenha uma perspectiva correta de fluxo de valor. O primeiro item do “kit de ferramentas” do Lean Enterprise Institute é o mapa do fluxo de valor. Este mapa permite que você identifique todos os processos no seu chão de fábrica. Esta abordagem “porta a porta” pode parecer assustadora, mas você não precisa melhorar tudo de uma vez. Comece com o todo, isole as partes – ou “loops” – que devem ser melhoradas. O mapa do fluxo de valor ajuda a enxergar o “fluxo” nas suas instalações e destaca as fontes de desperdício.

Comece com uma família de produtos para simplificar o mapa. Identifique-os do ponto de vista do cliente. Determine quantas peças individuais existem na família, a quantidade que o cliente deseja e com que frequência. Atribua um gerente de fluxo de valor que conheça todos os processos para ser o responsável pelo quadro mais amplo e se reportar à pessoa mais importante no seu setor.  Juntos, eles são responsáveis pelo “fluxo kaizen” – melhoria do fluxo de valor – e “kaizen no nível...

Sobre os autores

Mike Rother apresentou as práticas comerciais difundidas do mapeamento do fluxo de valor e do Toyota Kata (Kata de Melhoria e Kata de Coaching). John Shook se tornou o primeiro americano kacho (gerente) da Toyota no Japão e foi gerente sênior americano do Toyota Supplier Support Center em Lexington, Kentucky, auxiliando empresas norte-americanas a adotarem o Sistema Toyota de Produção. O Lean Enterprise Institute, Inc. (LEI) difunde o pensamento e a prática Lean e é membro fundador da Lean Global Network.


Comente sobre este resumo

Mais deste tópico

Dos mesmos autores

Os clientes que leem esse resumo também leem

Canais Relacionados