Acesse a sua conta getAbstract para obter o resumo!

O Ponto da Virada

Acesse a sua conta getAbstract para obter o resumo!

O Ponto da Virada

Como pequenas coisas podem fazer uma grande diferença

Sextante,

15 min. de leitura
10 Ideias Fundamentais
Texto disponível

Sobre o que é?

Até que enfim um livro que oferece uma explicação plausível sobre porque metade da população mundial está andando por aí naquelas lambretas prateadas.

Avaliação Editorial

9

Qualidades

  • Inovativo
  • Inspirador

Recomendação

O lançamento deste livro marcou o surgimento de um novo e brilhante talento jornalístico, nascido nas páginas da The New Yorker. Malcolm Gladwell codificou uma teoria conhecida pelos especialistas em marketing, mas não pelos consumidores afetados por ela: as tendências se espalham como vírus. Para que uma mensagem ou um produto desconhecido se transforme em um fenômeno de público, o especialista em marketing deve primeiro encontrar o “ponto da virada”, aquele flash mágico que projeta a sua iniciativa rumo à popularidade viral. A premissa de Gladwell de que as tendências sociais saturam o público como epidemias contagiosas (apesar da imprevisibilidade dos vírus) desperta a curiosidade do leitor. Formadas por um conjunto de anotações, algumas fugindo desnecessariamente do tópico e outras absolutamente brilhantes, as pesquisas do autor sobre o tema garantem uma leitura fascinante. Apesar de Gladwell não conseguir decifrar plenamente o ciclo da propagação das tendências, a getAbstract recomenda este texto quase seminal, o qual experimentou o seu próprio ponto da virada: de viral se tornou um manual obrigatório para qualquer currículo.

Resumo

As epidemias

Em algum momento entre 1994 e 1995 surgiu a epidemia Hush Puppies. Ninguém entendeu o porquê. A marca de sapatos de camurça com sola de crepe estava quase morta, vendendo apenas alguns milhares de pares por ano, a sua maior parte nas lojas de zonas rurais e pequenas cidades. Então, súbita e inexplicavelmente, os designers mais chiques de Nova York passaram a incluir a Hush Puppies nas suas coleções. Em 1995, foram vendidos quase meio milhão de pares da Hush Puppies. Foi o trabalho de algumas crianças desconhecidas do Soho e da East Village em Nova York, região que costuma lançar as tendências da moda.

Na mesma época em que surgia a epidemia da Hush Puppies, as estatísticas de criminalidade da cidade de Nova York passaram a cair drasticamente. New York foi assolada por uma epidemia de ruas seguras. Assaltos, estupros, assassinatos e roubos sumiram tão rapidamente quanto dispararam as vendas da Hush Puppies. Embora pareçam fenômenos alheios, crime, moda e epidemias têm estas coisas em comum: o contágio, a velocidade e o fato de que as pequenas coisas causam grandes efeitos.

As epidemias crescem em uma progressão geométrica. As epidemias não começam...

Sobre o autor

Malcolm Gladwell escreveu artigos para The Washington Post nas áreas de negócios e ciências. Gladwell atualmente escreve para The New Yorker.


Comente sobre este resumo

Mais deste tópico

Os clientes que leem esse resumo também leem