Resumo de Vizinhos Mais Próximos

Procurando pelo livro?
Nós temos o resumo! Obtenha os insights principais em apenas 10 minutos.

Vizinhos Mais Próximos resumo de livro
Comece hoje:
ou conheça os nossos planos

Avaliação

9 Geral

8 Importância

9 Inovação

9 Estilo


Recomendação

A invasão da Rússia à Geórgia em 2008 e à Ucrânia em 2014 resultou em duas guerras, milhares de mortes e o redimensionamento das fronteiras nacionais. Será que foi assim? O influente geógrafo político norte-americano Gerard Toal defende de forma convincente que se busque uma compreensão mais profunda das ações da Rússia: estudando os próprios argumentos da Rússia, questionando as narrativas dominantes do Ocidente e aplicando um exame crítico às evidências históricas. Toal explica como as ações do presidente russo Vladimir Putin contra a Geórgia e a Ucrânia emergiram de uma mistura de circunstâncias políticas regionais, preocupações estratégicas, erros ocidentais e o próprio revanchismo de Putin. Rico em observações e insights, o livro de Toal faz justiça à complexidade e nuance dos eventos reais; no entanto, seu texto exige uma leitura atenta e um certo grau de mente aberta. A getAbstract recomenda esta leitura aos interessados ​​em obter uma perspectiva diferente sobre a geopolítica russa.

Neste resumo, você vai aprender:

  • Como a geopolítica crítica permite que se entenda com maior profundidade os eventos políticos; 
  • Qual a melhor forma de se conceituar os espaços geopolíticos pós-soviéticos, e
  • Por que a Rússia tomou medidas em relação à Geórgia em 2008 e à Ucrânia em 2014.
 

Sobre o autor

Gerard Toal é professor de assuntos internacionais e diretor do programa de Mestrado em Assuntos Públicos e Internacionais no Virginia Polytechnic Institute e do campus National Capital Region da State University em Alexandria.

 

Resumo

Geopolítica crítica

A geopolítica crítica analisa os relatos aceitos – muitos deles superficiais – de eventos geopolíticos, e questiona as suposições geopolíticas clássicas sobre como governos, mercados e outras forças criam e operam dentro de espaços geográficos. A abordagem geopolítica crítica dos eventos políticos reconhece como os principais atores, narrativas e tecnologias (incluindo a mídia) agem como ferramentas e influenciam a geopolítica. Também reconhece a importância do afeto na política. A terra onde as pessoas vivem gera sentimentos e atitudes. Algumas dessas sensibilidades são viscerais, outras são ensinadas por meio de fontes como a literatura nacional. Sentimentos em relação a qualidades como heroísmo, masculinidade e sacralidade afetam eventos geopolíticos. A geopolítica crítica vê a geopolítica dos Estados como um tipo de cultura. Ela não tem como objetivo justificar as decisões dos atores, mas construir descrições e explicações mais precisas destas ações.


Mais deste tópico

Os clientes que leem esse resumo também leem

O Fim da Europa
O Fim da Europa
7
A Morte de Osama Bin Laden
A Morte de Osama Bin Laden
8
Grandes Poderes, Grandes Estratégias
Grandes Poderes, Grandes Estratégias
6
O Grande Nivelador
O Grande Nivelador
8
Relatório Sobre os Riscos Globais de 2018
Relatório Sobre os Riscos Globais de 2018
9
Como (e por que) a Rússia Hackeou as Eleições dos EUA
Como (e por que) a Rússia Hackeou as Eleições dos EUA
8

Canais Relacionados

Comente sobre este resumo